4 de fev de 2013

10 O LAGO QUE ARDE COM FOGO E ENXOFRE



 


O lago que arde com fogo e enxofre é um lugar de grande tormento eterno, onde o clamor dos infelizes, que forem para lá, ecoará pelos séculos dos séculos, serão atormentados dia e noite sem descanso.

Apocalipse 14:10-11 – “também esse beberá do vinho da cólera de Deus, preparado, sem mistura, do cálice da sua ira, e será atormentado com fogo e enxofre, diante dos santos anjos e na presença do Cordeiro. A fumaça do seu tormento sobe pelos séculos dos séculos, e não têm descanso algum, nem de dia nem de noite, os adoradores da besta e da sua imagem e quem quer que receba a marca do seu nome”.

Devemos lembrar que após o milênio ocorrerá o grande Julgamento do Trono Branco. Porém existem alguns acontecimentos importantes logo após o milênio e antes do começo do juízo final. Em Apocalipse 20:11 – “Vi um grande trono branco e aquele que nele se assenta, de cuja presença fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles”. O céu e a terra vão passar, ou seja, não existirão mais. Podemos comparar esse momento com que Pedro escreveu em 2 Pedro 3:10-12 – “..., no qual os céus passarão com estrepitoso estrondo, e os elementos se desfarão abrasados; também a terra e as obras que nela existem serão atingidas. Visto que todas essas coisas hão de ser assim desfeitas, deveis ser tais como os que vivem em santo procedimento e piedade, esperando e apressando a vinda do Dia de Deus, por causa do qual os céus, incendiados, serão desfeitos, e os elementos abrasados se derreterão”. Concluímos então que, nesse momento, os céus e a terra serão desfeitos, passarão com um estrepitoso estrondo, e já não existirão mais. Eles serão incendiados e se desfarão abrasados, podemos imaginar quão grande será esse estrondo, que formará uma grande e intensa fornalha de seus elementos sendo desfeitos devido a essa grande explosão. Alguns teólogos arriscam a dizer que daí se formatará o lago de fogo e enxofre. Logo após esses eventos, Deus vai estabelecer um grande trono branco para julgar todos os ímpios conforme suas obras. Todos os que não foram achados no livro da vida serão lançados no lago de fogo e enxofre.


10.1 QUEM ESTARÁ NO LAGO DE FOGO E ENXOFRE


O lago de fogo e enxofre é um lugar preparado por Deus para Satanás e seus anjos caídos. Irão também para lago de fogo e enxofre todos os ímpios de todas as eras. Será um lugar terrível para todos aqueles que rejeitaram a Deus. O Juízo de Deus será grandioso. Para todos aqueles que tiveram a conversão genuína em Jesus Cristo, a segunda morte não terá autoridade.

Apocalipse 19:20 – “Mas a besta foi aprisionada, e com ela o falso profeta que, com os sinais feitos diante dela, seduziu aqueles que receberam a marca da besta e eram os adoradores da sua imagem. Os dois foram lançados vivos dentro do lago de fogo que arde com enxofre.”

Os primeiros a serem lançados no Lago que arde com fogo e enxofre: o anticristo (a primeira besta) e o falso profeta (segunda besta).

Apocalipse 20:10 – “O diabo, o sedutor deles, foi lançado para dentro do lago de fogo e enxofre, onde já se encontram não só a besta como também o falso profeta; e serão atormentados de dia e de noite, pelos séculos dos séculos”.
Após o milênio, o diabo, também chamado de dragão, será lançado neste lago. Onde já se encontram o anticristo e o falso profeta.

Apocalipse 20:15 – “E, se alguém não foi achado inscrito no Livro da Vida, esse foi lançado para dentro do lago de fogo.”

Todos os que não foram inscritos no Livro da Vida, serão lançados no lago de fogo e enxofre, após receberem suas sentenças do grande julgamento, o Juízo Final.

Apocalipse 20:14-15 – “Então, a morte e o inferno foram lançados para dentro do lago de fogo. Esta é a segunda morte, o lago de fogo. E, se alguém não foi achado inscrito no Livro da Vida, esse foi lançado para dentro do lago de fogo”.

A segunda morte é a condenação eterna no lago de fogo, a separação eterna de Deus. A própria morte e o inferno serão lançados dentro desse lago. A morte nunca mais terá o seu poder, 1 Coríntios 15:26 – “O último inimigo a ser destruído é a morte”. E o próprio inferno onde já se encontram todos os ímpios que rejeitaram a Deus e o nome de Jesus, também será lançado no lago de fogo e enxofre, concretizando assim, a forma final da condenação eterna. Será o selo final do juízo de Deus.


10.2 A BASE DA JUSTIÇA DE DEUS

Apocalipse 21:8 – “Quanto, porém, aos covardes, aos incrédulos, aos abomináveis, aos assassinos, aos impuros, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte”.

Quando a Palavra de Deus refere-se aos Covardes, trata-se daqueles que temendo a desaprovação e as ameaças do povo, dão menos valor à lealdade a Cristo e à verdade da sua Palavra. A sua segurança e status valem mais para esses homens do que a fidelidade a Cristo.
A grande base de sua justiça continua a mesma, todos os homens receberam a oportunidade da salvação, pelo nome de Jesus, porém, por amarem mais as trevas, o pecado, rejeitaram a luz que veio ao mundo, recebendo assim a condenação.

João 3:18-19 – “Quem nele crê não é julgado; o que não crê já está julgado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. O julgamento é este: que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz; porque as suas obras eram más”.

As escrituras mostram que sua justiça contra todos os pecadores será terrivelmente grande. O destino dos perdidos é um lugar no lago do fogo (Ap 19.20; 20.10,14,15; 21.8).
Como o céu é um lugar e não um mero estado mental, da mesma forma os réprobos vão primeiramente para um lugar. Essa verdade é indicada pelas palavras hades (Mt 11.23; 16.18; Lc 10.15; 16.23;Ap 1.18; 20.13,14) egehenna (Mt 5.22,29,30; 10.28; Tg 3.6) — lugar de "tormento" (Lc 16.28). Onde tudo isso se culminará dentro do lago de fogo e enxofre. O fato de essa ser uma condição de miséria indescritível é indicado pelos termos figurados usados para relatar seus sofrimentos —"fogo eterno" (Mt 25.41); "onde não lhes morre o verme, nem o fogo se apaga" (Mc 9.44); "lago que arde com fogo e enxofre" (Ap 21.8); "o poço do abismo" (Ap 9.2); "fora, nas trevas", um lugar de "choro e ranger de dentes" (Mt 8.12); "fogo inextinguível" (Lc 3.17); "fornalha acesa" (Mt 13.42); "negridão das trevas" (Jd 13) e "a fumaça do seu tormento sobe pelos séculos dos séculos, e não têm descanso algum, nem de dia nem de noite" (Ap 14.11). Devemos reconhecer que as metáforas, nessas passagens, é uma frágil tentativa de declarar em linguagem o que está além do poder de descrição das palavras. É bom observar também que quase todas essas expressões saem dos lábios de Cristo. Ele sozinho revelou quase tudo o que se sabe sobre esse lugar de tormenta.

2 Pedro 2:4 – “Ora, se Deus não poupou anjos quando pecaram, antes, precipitando-os no inferno, os entregou a abismos de trevas, reservando-os para juízo;”

Apocalipse 14:9-11 – “Seguiu-se a estes outro anjo, o terceiro, dizendo, em grande voz: Se alguém adora a besta e a sua imagem e recebe a sua marca na fronte ou sobre a mão, também esse beberá do vinho da cólera de Deus, preparado, sem mistura, do cálice da sua ira, e será atormentado com fogo e enxofre, diante dos santos anjos e na presença do Cordeiro. A fumaça do seu tormento sobe pelos séculos dos séculos, e não têm descanso algum, nem de dia nem de noite, os adoradores da besta e da sua imagem e quem quer que receba a marca do seu nome”.

Hebreus 10:31 – “Horrível coisa é cair nas mãos do Deus vivo”.

Mateus 10:28 – “Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei, antes, aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo”.

Apocalipse 22:15 – “Fora ficam os cães, os feiticeiros, os impuros, os assassinos, os idólatras e todo aquele que ama e pratica a mentira”.

O castigo descrito é de tormento perpétuo. Quando a palavra de Deus nos fala que a morte espiritual é a destruição total não significa uma aniquilação total, no sentido de não existir

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Loading